Arysta

O DELTAGRI® é um inseticida que pertenece ao grupo dos piretróides (IRAC-MoA 3A), que atua ao nível do sistema nervoso dos insectos, como modelador dos canais de sódio. É um inseticida não sistémico, de contacto e ingestão, indicado para o controlo de várias pragas em diversas culturas.

Pontos Fortes
  • Grande quantidade de usos autorizados.
  • Muito polivalente no controlo de pragas.
  • Alta eficácia provada sobre os insectos.
  • Curto intervalo de segurança.
  • Utilização em doses baixas.
  • Rápida degradação
Informação Geral

Utilização do produto: Insecticida de contacto e ingestão, polivalente e muito eficaz em numerosas pragas e culturas. 

Composição: Deltametrina 25 g/L (2,8% p/p) 

Tipo de Formulação: EC (Concentrado para emulsão) 

Autorização de Venda concedida pela DGAV: AV 667 

Grupo químico: Piretróide 

Modo de acção: Insecticida de contacto e ingestão, pertencente ao grupo dos piretróides (IRAC-MoA 3A), que atua ao nível do sistema nervoso dos insectos, como modelador dos canais de sódio. 

Apresentação: 250 ml, 1 litro, 5 litros. 

Armazenamento: 

Numero máximo de aplicações:

Usos Autorizados e Aplicação

 

CULTURA

PRAGA

DOSE / CONCENTRAÇÃO

I.S.

Nº MÁXIMO DE APLICAÇÕES

INTERVALO ENTRE APLICAÇÕES (DIAS)

VOLUME DE CALDA

Macieira e Pereira

Bichado da fruta (Cydia Pomonella), afídeo verde (Aphis pomi)

0,3 L/ha ou 30 ml/hl

7

2

 

14

1000 L/ha

Pereira

Psila da Pereira (Psylla pyri)

490 – 700 ml/ha (70 ml/hl)

7

2

7

700 – 1000 L/ha

Cerejeira

Mosca da cereja (Rhagoletis cerasi)

400 – 700 ml/ha (50 ml/hl)

7

1

 

800 – 1400 L/ha

Pessegueiro

Afídeo verde (Myzus persicae)

500 ml/ha (50 ml/hl)

7

1

 

1000 L/ha

Videira

Traça dos Cachos (Lobesia botrana)

300 – 500 ml/ha (30ml/hl 1ªgeraç o – 50 ml/hl 2ª geraç o)

7

3

14

1000 L/ha

Videira

Cicadela da vinha (Empoasca sp.)

500 ml/ha (50 ml/hl)

7

3

14

1000 L/ha

Oliveira

Mosca da azeitona (Bactrocera olea)

500 ml/ha (50 ml/hl)

7

1

 

1000 L/ha

Tomateiro (ar livre e estufa).

Lagarta do tomate (Helicoverpa armígera) e Nóctuas (Spodoptera sp.)

300 – 400 ml/ha (30 – 40 ml/hl)

 

3-4 (estufa)

7 – 21

1000 L/ha

Tomateiro (ar livre e estufa).

Mosca branca das estufas (Trialeurodes vaporarium)

500 ml/ha (50 ml/hl)

3

3

7

1000 L/ha

Couves-de-repolho, couve-flor, couve-brócolo

Lagartas (Pieris sp.), Nóctua da couve (Mamestra brassica), Nóctuas (Agrotis sp., Autographa gamma)

300 ml/ha (30 ml/hl)

7

2

14

1000 L/ha

Couves de repolho

Traça da couve (Plutella xylostela)

500 – 1000 ml/ha (100 ml/hl)

7

2

14

500 – 1000 L/ha

Alface

Nóctulas (Chrysodeixis chalcites, Spodoptera exígua, Agrotis sp.)

300 ml/ha (30 ml/hl)

3

3

7

1000 L/ha

Feijoeiro, faveira

Afídeo verde do pessegueiro (Myzus persicae)
Afídeos (Aphis sp.)

500 ml/ha (50 ml/hl)

7

2

14

1000 L/ha

Ervilheira

Traça da ervilha (Cydia nigricana)

300 – 400 ml/ha (30 – 40 ml/hl)

7

2

14

1000 L/ha

Batateira

Escaravelho da batateira (Leptinotarsa decemlineata)

500 ml/ha

7

2

14

600 L/ha

Trigo, cevada, aveia e centeio

Lagarta sete-coiros (Ocnogyna baetica)

300 – 500 ml/ha

30

1

 

400 L/ha

 

Informação de Segurança

Indicações de perigo: 

EUH210: Ficha de segurança fornecida a pedido. 

H226: Líquido e vapor inflamáveis. 

H302: Nocivo por ingestão. 

H304: Pode ser mortal por ingestão e penetração nas vias respiratórias. 

H315: Provoca irritação cutânea. 

H318: Provoca lesões oculares graves. 

H336: Pode provocar sonolência ou vertigens. 

H410: Muito tóxico para os organismos aquáticos com efeitos duradouros. 

P210: Manter afastado do calor, superfícies quentes, faísca, chama aberta e outras fontes de ignição. Não fumar. 

P261: Evitar respirar as poeiras/fumos/gases/névoas/vapores/aerossóis. 

P270: Não comer, beber ou fumar durante a utilização deste produto. 

P280: Usar luvas de proteção/vestuário de proteção/proteção ocular/ proteção facial. 

P301 + P310: EM CASO DE INGESTÃO: contacte imediatamente um CENTRO DE INFORMAÇÃO ANTIVENENOS ou um médico. 

P331: Não provocar o vómito. 

P305+P351+P338: SE ENTRAR EM CONTACTO COM OS OLHOS: enxaguar cuidadosamente com água durante vários minutos. Se usar lentes de contacto, retire-as, se tal lhe for possível. Continuar a enxaguar. 

P332+P313: Em caso de irritação cutânea: consulte um médico.

P403 + P233: Armazenar em local bem ventilado. Manter o recipiente fechado. 

P501: Eliminar o conteúdo/embalagem em local adequado à recolha de resíduos perigosos. 

SPe3: Para proteção dos organismos aquáticos, respeitar uma zona não pulverizada com cobertura vegetal, em relação às águas de superfície de 30 metros em pomares de macieira, pereira, pessegueiro, cerejeira e oliveira; 20 metros em videira, 5 metros em hortícolas e cereais; Sempre que possível, utilizar bicos anti-deriva que garantam, pelo menos, 75% de redução no arrastamento da calda durante a aplicação do produto podendo, nesse caso, reduzir a largura das zonas não pulverizadas em 5 metros. 

SPe3: Para proteção dos artrópodes não-visados, em pomóideas, prunóideas, videira e oliveira respeitar uma zona não pulverizada de 10 metros em relação às zonas circunvizinhas; nas restantes culturas, respeitar uma zona não pulverizada de 5 metros. 

SPe8: Perigoso para as abelhas. Para protecção das abelhas e de outros insectos polinizadores, não aplicar este produto durante a floração das culturas. Não utilizar este produto durante o período de presença das abelhas nos campos. Remover ou cobrir as colmeias durante a aplicação do produto e durante 24 horas após o tratamento; Não aplicar este produto na presença de infestantes em floração. 

SPoPT3: Impedir o acesso a pessoas às áreas tratadas até à secagem do pulverizado ou usar luvas e vestuário de proteção adequado. 

SPo5: Arejar as estufas tratadas até à secagem do pulverizado antes de ne¬las voltar a entrar. 

Intervalo de Segurança: 3 dias em alface e tomateiro; 7 dias em macieira, pereira, cerejeira, pessegueiro, videira, oliveira, couves, feijoeiro, faveira, ervilheira e batateira; 30 dias trigo, cevada, aveia e centeio. 

Em caso de intoxicação contactar o Centro de Informação Antivenenos, Tel.: 808 250 143